saga de uma tímida/insegura/atrapalhada/parva cujo dom é sonhar

Domingo, 9 de Maio de 2010

Hoje ia a queima no porto mas o T estava mal disposto e ninguém foi. E pronto, foi jantarinho as sete da tarde, cafézinho e viemos pra casa. Por acaso até foi agradável estivemos com amigos e esteve-se muito bem. Estive com a amiga do T que o tem ouvido mais ultimamente por termos acabado e saí um bocado sozinha com ela e gostei porque falamos na boa e senti que posso estar sozinha com ela sem me sentir constrangida e enfim. Hoje senti-me parte daquilo, parte daquele grupo de pessoas, mesmo que não tenha falado muito e mesmo sentindo-me envergonhada de vez em quando axo que faço parte daquele grupo, vou fazendo parte quando estou com eles. Hoje o T contou-me que começou a andar com a rapariga com a qual não se sentia indidiferente e acabaram por namorar um dia lool mas depois ela disse que tinha que dar um tempo pk tinha falado com o ex namorado dela e tinha ficado mexida. Ela tem uma historia complicada com um rapaz que envolve terem emigrado e ele te-la deixado la e não sei quê. Ele contou-me aquilo pra ver a minha reacção e assim e hoje fartou-se de me dizer que tava bonita e que aquilo tinha siudo bom pra perceber que não se pode enganar a ele proprio. E depois acabou por dizer que tava a lutar e não sei quê. Aí eu disse-lhe pra ele não esperar nada e ele disse que não esperava, eu disse-lhe que axava que sim e que não estava para aí virada e que estava bem assim que queria continuar assim com ele e que não queria ter aquelas obrigações nem nada disso porque estava bem assim e queria continuar assim. Axo que não mudou nada pra ele, continua com esperança. Eu nãoi sei ser bruta para as pessoas, ele é assim e a amiga dele a S também é mas eu não consigo ser assim frontal quando sei que vou magoar pessoas. E depois fico nesta com os problemas ainda maiores porque parece que ele não vai desistir. Enfim, mesmo que me fizesse sentir um bocado tocada no inicio por axar que ele ja estava a ser feliz noutra e eu não, axo que preferia que ele namorasse com a outra rapariga. A hiostoria que ele me contou com a rapariga sinceramente não me afectou nada, não fiquei tremida e até gostei de tar a ser confidente de um amigo, gostei da posição. Já ha muito tempo que não tinha amigos. Tinha um namorado e os amigos dele. Agora quero ter amigos e tou nesse caminho. Hoje a S também teve um acidente e para além de ter passado muita gente que a conhecia mesmo que nãoi tivesse muita intimidade e pararam para saber se ela estava bem, também acabou por muita gente lhe ligar e mesmo eu e o T viemos de londe para ver se tava tudo bem. Pensei que ela tinha muita sorte por ter tanta gente a gostar dela, ela propria disse que era bom receber assim mimo. Fuquei com um bocadinho de inveja, não da má, inveja no bom sentido. Ela a ter um acidente e eu com inveja lool tou maluquinha. Disso não tive inveja nenhuma, mas eu sou uma optima condutora porque só tive um acidente e por distracção parva lool. Bom mas estou assim, sem querer dar esperanças ao T, a querer conviver com eles como amigos e enfim. Quero sentir-me feliz e cada vez mais tenho a noção que tenho tudo pra isso. Tenho também que dizer que os meus pais me deixaram ir à queima sem  nenhuma tenção. Se calhar se namorasse iam fazer mais perguntas e assim, eles são muito protectores mas uma vez que ainda não fui a nenhuma queima no porto (shame on me lool) e tenho a idade que tenho e junta-se-lhe o facto de não namorar e até foi na boa. Claro que quando disse ao meu pai que não tinha ido ele se riu e disse "bem feita" lool mas isso é a boa disposição do meu pai. Bom e é assim, estou bem disposta estou a sentir-me bem, estou a sentir-me bonita boa parte do tempo e estou a sentir-me segura muitas vezes. Tenham um optimo fim de semana.

See ya

escrito por sonhadoraincuravel às 03:14
link do post | dar palpite | favorito

Também já tive uma relação assim. E tive muito tempo até que o rapaz perdesse as esperanças que não ia haver mais nada entre mim e ele, e a forma de ele perceber isso e esquecer-me de vez, acabou por ser das piores formas...eu fartei-me de dizer para ele me esquecer mas enfim...também me chegou a confrontar acerca de outras raparigas, para ver se eu tinha alguma espécie dee reacção mas depois percebia que eu não estava para ai virada e parou...Em relação em certas situações não conseguimos ser frontais com as pessoas por termos de magoá-las, compreendo-te, também sou assim. é uma das coisas que não consigo mesmo fazer, ser frontal e magoar alguém. Mas é pena é ás vezes ser mesmo necessário isso para que a outra pessoa perceba que não dá mais :/...Mas fazes bem em já te estares a integrar num grupo e a formar mais amigos. Eu ainda não consigo estar 100% à vontade com o grupo de amigos do meu namorado, embora também já os conheça à algum tempo, ainda não consigo falar mais e assim...Mas vai-se tentando...e ainda bem que continuas bem disposta e é a durar lol A mim também e sabe realmente bem :D Fica bem beijinhos
DolceScrittora a 9 de Maio de 2010 às 23:03

eu também não tou sempre à vontde mas pronto vou controlando as coisas. é complicado eu não consigo dizer-lhe para ele me esquecer e que não vale a pena mas hoje tivemos uma conversa e axo que ele percebeu. é dificil. quando voltar a ter alguma coisa com alguém axo que vou ter muito mais medo de me tar a meter em coisas apesar de ja me tar a amarrar acoisas muito voláteis como sabes mas pronto. sou muito complicada. Brigada Fika bem

Mas não penses assim. Eu também após ter terminado com o meu ex, também só pensava em não namorar mais, porque só ia sofrer e não queria mais sofrimento, só pensava mesmo em continuar sozinha, sem todos aqueles problemas que uma relação implica mas mesmo quando conheci Ele, fui-me fascinando aos poucos por Ele e acabei por sentir algo, do ponto em que quando Ele disse que me amava e que queria namorar comigo, não lhe consegui dizer que não porque realmente sentia algo por Ele e Ele era realmente especial, e nesse momento nem pensei na minha ideia fixa que tinha desde que tinha acabado com o meu ex. Mesmo uns dias seguintes a termos começado a namorar, pensava, como ainda penso hoje, se teria sido melhor ter dito não, por causa do sofrimentos e das inseguranças que me iria ter e que hoje tenho mas acabo por pensar que o facto de ser feliz com Ele também é importante e agora tenho dado mais valor a isso. Acabamos por ter de nos deslargar do passado, embora ele persista sempre a estar em nós, porque faz parte de nós :D e aquele medo e insegurança que se criaram nos sofrimentos passados acabam por persistir, e temos sempre o medo de voltar a passar por aquilo mas o melhor é mesmo não pensar nisso e deixar as coisas correrem, sem nós a "forçar" e acabamos assim por pensar mais no presente. Para mim, acaba por ser dificil porque nunca consigo viver um dia sem que tenha preocupações do que tenha para fazer hoje, amanhã, o que devia ter feito ontem mas tem que se ir tentando :D Vá, somos complicadas :D Fica bem Bejinhos
[texto grande lol]
DolceScrittora a 11 de Maio de 2010 às 21:09


ora-deixa-ver-quem-é-esta-croma
Maio 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
15

18
19
20
21
22

23
25
27
28

30
31


últ. comentários
mais do que isso tou com preguiça de ler o que esc...
olá, como vais? este blog é bom se tiver pernas pa...
olá menina, como é que tu estás? saudades tuas.. v...
olá menina. então, como é que tu vais ? eu vou bem...
olá. já tinha muitas saudades tuas. como estás ? p...
olá! eu também ia cheia de esperanças, quando come...
ola responi tardeas respndi. Sim eu tenho POC e e...
Olá...andava a fazer uma pesquisa sobre poc e enco...
olá! saudades tuas. ainda bem que estás bem. vê se...
tive uma grande necessidade de apagar todos os blo...
Relógio
relojes web gratis
favoritos

2009.

pesquisar
 
Fazer olhinhos

blogs SAPO


Universidade de Aveiro