saga de uma tímida/insegura/atrapalhada/parva cujo dom é sonhar

Segunda-feira, 27 de Abril de 2009

Hoje sinto-me triste outra vez. Não estava mas agora pus-me a ver umas fotos de amigas, uns comentarios do hi5 (known as aifaibe) e acabei por ficar assim. Descobri que uma amiga do liceu anda de namorico com um rapaz e tive a ver as mensagens deles e não sei quê e fico muito feliz por ela porque era daquelas raparigas que não fazem mal a ninguém não gosta de confusões e era ligeiramente envergonhada mas tinha aqueles sonhos de se apaixonar pelo protagonista da novela brasileira etc. E agora vejo que ela acabou por ter uma historia bonita como ela sonhava. Hoje também fui a um jantar de final de curso de uma amiga (prima do namorado) e vi-a com o +/- recente namorado e, ó pah, eu axo-a muito fixe e fico muito feliz por ela mas fico sempre a pensar que gostava tanto de viver uma coisa assim. De estar feliz de sentir aquela excitação ou mesmo que fosse saudade, é bom senti-la, as zangas sei lá. Sentir! Isto não tem jeito nenhum. Eu não quero ficar com ele pra sempre, não sinto por ele o que quero tanto sentir por alguém mas não consigo pensar na minha vida sem o ter porque no fundo sinto-me muito sozinha e depois dos meus pais e familia e dele não há ninguém ou se há estão táo afastados que já me sinto envergonhada com eles. E eu sei que assim nem vou conhecer ninguém porque estou numa relação, nem saio num ambiente para conhecer alguém, nem estou com os meus amigos que estão um para cada canto e irrita-me ter que ser eu a falar porque se não parece que ninguém se lembra de mim. Serei assim tão insignificante, não significo nada para os meus amigos. Quando me vêm é tudo sorrisos e saudades e temos que combinar alguma coisa mas depois ninguém se xega se me acontecer alguma coisa ninguém sabe. Preciso de carinho a sério. É estupido quando se escreve mas preciso mesmo e preciso que venha de alguém que eu quero não porque é suposto. Isto também não é justo para o namorado mas não posso ir contra o que sinto. Como eu queria, mas não posso. Sinto-me fraca e insignificante. Uma pessoa como eu onde consegue ir. Vou sonhar que é o que me faz sentir menos carente. Alguém me entenda.

escrito por sonhadoraincuravel às 01:14
link do post | favorito

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

ora-deixa-ver-quem-é-esta-croma
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

15
17
18

19
22
23
24
25

26
29
30


últ. comentários
mais do que isso tou com preguiça de ler o que esc...
olá, como vais? este blog é bom se tiver pernas pa...
olá menina, como é que tu estás? saudades tuas.. v...
olá menina. então, como é que tu vais ? eu vou bem...
olá. já tinha muitas saudades tuas. como estás ? p...
olá! eu também ia cheia de esperanças, quando come...
ola responi tardeas respndi. Sim eu tenho POC e e...
Olá...andava a fazer uma pesquisa sobre poc e enco...
olá! saudades tuas. ainda bem que estás bem. vê se...
tive uma grande necessidade de apagar todos os blo...
favoritos

2009.

pesquisar
 
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro