saga de uma tímida/insegura/atrapalhada/parva cujo dom é sonhar

Domingo, 18 de Abril de 2010

a psicologa disse para eu ter dois dias por semana em que fosse relaxada, sem pensar nas coisas ou melhor, sem as controlar. Que iam ser os meus dias de descanso. Nos outros dias para fazer questão de ser como o costume, preocupada, a querer controlar tudo. Vamos lá ver, não sei exactamente se vou conseguir exactamente o que ela quer, mas vou tentar, vou tentar fazer o que me apetece, sem pensar "e se....", ver o que vai aparecendo e reagir de acordo com isso. Por isso não vou pensar nisso porque começo a fazer planos incanscientemente e não é o que se pretende. Vamos lá ver. arece-me um exercicio interessante. Bom fim de semana a todos!

See ya

escrito por sonhadoraincuravel às 15:33
link do post | dar palpite | ver comentários (7) | favorito

Sábado, 6 de Fevereiro de 2010

Fui à psicologa. A consulta demorou uma hora e meia mais ou menos porque ela quis-se inteirar do que se passava e axo que a consulta seguinte foi desmarcada se não também era muito chato. Tava muito nervosa parecia que o ar não chegava aos pulmões e acho que no consultorio estive sempre "atarracada" na cadeira e devo ter falado muito depressa porque ela notou pela voz que tava nervosa. Enfim mas era muito simpatica e enfim de alguma maneira que não sei qual é até me senti à vontade e por incrivel que pareça consegui falar de tudo basicamente apesar de ja me ter lembrado de algumas coisas que teria sido interessante ela saber (por sinal neste momento já não me lembro de nenhuma outra vez mas não tou com vontade de pensar nisso). Para a semana volto com uma folha onde tenho que escrever o que penso o que sinto e o que faço em determinadas "situações-problema" e devo escrever coisas positivas e negativas vamos lá ver. Tem graça que as pessoas têm tendência para me chamar o segundo nome quando não me conhecem, não é que isto tenha alguma coisa a ver mas ja reparei nisso varias vezes e hoje foi igual, eu disse que geralmente me chamavam o primeiro nome mas ela acabou por a meio me chamar o segundo lool acho que não tenho cara do meu primeiro nome, será que isso é bom? lool E pronto, enfim, gostei, vou voltar e afinal de contas apesar de eu ter a ideia que ia gostar de falar com uma pessoa com os seus trinta e tais, quarenta anos, esta psicologa é mais nova mas não tou nada arrependida. será que vou conseguir ter mais coragem e enfrentar as coisas e pessoas melhor? Veremos.

See ya

escrito por sonhadoraincuravel às 20:30
link do post | dar palpite | ver comentários (1) | favorito

Quinta-feira, 14 de Janeiro de 2010

Ontem ao falar com uns anigos do namorado e meus penso eu acabei por ficar a pensar. Uma já trabalha desde os treze anos pagou carro e sustenta-se, outra também trabalha e pagou o carro e se sustenta, outro ja tem apartamento e trabalha para se sustentar, a namorada tirou um curso e trabalha e desde essa altura que se sustenta e já comprou apartamento etc. Todos excepto a ultima estudam. Enfim a questão é que para além de ver o que eles conseguiram e de olhar para mim e não me axar capaz de fazer essas coisas, também os ouvi falar das praxes e do curso que dois deles tiraram e enfim vejo-me tão pequnina. Não participei nas praxes, não me recusei mas simplesmente ninguém me abordou e eu não procurei porque me sentia muito pequenina no meio daquilo tudo. Eu tenho muita tendencia a viver pelos outros isto é, fico colada às historias da formação ou mesmo sentimentais, adoro ver as historias de amor deste e daquele e dos problemas e de como se resolvem etc, adoro ver que este ou aquele passou por isto ou aquilo nas praxes, que viajou para algum lugar, que arranjou emprego e percebe daquilo que faz. Enfim, eu de olhar para a porcaria de quimica orgânica axo que não sou capaz de fazer aquilo alguma vez ultimamente nem estudar consigo, este semestre não tou a fazer frequencias e tou a deixar para exames no fim do ano e eles estudam trabalham ganham gerem o que ganham fazem opções viajam enfim tem projectos até e eu tenho medo de os fazer porque não me sinto capaz de fazer tanta coisa. Adoro ver a dinamica das pessoas porque adoro pessoas mas fico com nostalgia porque não faço coisas não conheço gente não digo sempre o que me vem à cabeça não participo em brincadeiras como praxes não sinto que entenda de alguma coisa quer seja algum talento para alguma coisa ou ja agora do meu curso. Hoje andei à procura de psicologo. Encontrei alguns nomes incluindo a irmã de uma amiga minha mas não axo boa ideia tar a falar com alguém que conheço. Também não era o sitio mais barato e como vou financiar pelo menos a primeira consulta tentando ser discreta axo que voyu a um outro sitio a uma psicologa. A consulta custa qurenta euros e depois trinta mas nem sei nada da psicologa sei o nome, o primeiro. o objectivo era que me dissessem o nome dos psicologos para pesquisar sobre eles mas todos me davam o primeiro nome e não quis perguntar mais nada. ainda não marquei talvez marque para sabado. Mas tou numa de não saber o que vou lá dizer, as vezes tou numa de dizer o que sinto outras tou mais para o calado e tenho medo de chegar la e não saber o que dizer. Não sei como funcionam as consultas mas pronto. É o meu desabafo de hoje.

See ya

escrito por sonhadoraincuravel às 23:58
link do post | dar palpite | favorito

ora-deixa-ver-quem-é-esta-croma
Janeiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


últ. comentários
mais do que isso tou com preguiça de ler o que esc...
olá, como vais? este blog é bom se tiver pernas pa...
olá menina, como é que tu estás? saudades tuas.. v...
olá menina. então, como é que tu vais ? eu vou bem...
olá. já tinha muitas saudades tuas. como estás ? p...
olá! eu também ia cheia de esperanças, quando come...
ola responi tardeas respndi. Sim eu tenho POC e e...
Olá...andava a fazer uma pesquisa sobre poc e enco...
olá! saudades tuas. ainda bem que estás bem. vê se...
tive uma grande necessidade de apagar todos os blo...
favoritos

2009.

pesquisar
 
Fazer olhinhos

blogs SAPO


Universidade de Aveiro